ghd christian louboutin air max 90 nfl jerseys
Português English

cialis generico online

cialis prezzo

methyl naltrexone vs naloxone

naloxone vs naltrexone

viagra prodej brno

viagra

aborted babies

buy abortion pill
coupons

Where To Buy Abortion Pill

Pregnancy Termination Pregnancy Termination Order

 
 
 
 

Omega Replica Watches

Omega Replica

Best Breitling Replica

Breitling Replica


Data de publicação: 13/1/2008
Título da notícia: Ordem de Malta apoia Misericórdia de Braga
Detalhes:

fluoxetine alcohol blackout

fluoxetine and alcohol liver click

viagra prodej brno

viagra cena go

naltrexone reviews reddit

naltrexone implant reviews devlog.stoepel.net

premarin cream coupons

premarin coupon
 
O Embaixador da Ordem So­berana de Malta em Portugal, o príncipe Leopold d'Arenberg, esteve ontem em Braga a visitar as instalações da Santa Casa da Misericórdia, deixan­do à Mesa Administrativa um apoio de dois mil euros. O di­nheiro destina-se à aquisição de aparelhos ortopédicos (ca­mas, cadeiras, mesas) para alguns utentes do Lar Nevarte Gulbenkian.

Antes de se deslocar a Bra­ga, o embaixador esteve num lar de idosos do Porto. Os fun­dos que a Ordem de Malta está a distribuir foram reco­lhidos num evento de bene­ficência realizado em Novem­bro de 2006 em Lisboa.

 

Durante a visita à Mise­ricórdia de Braga, Leopold d'Arenberg asseverou que a Ordem de Malta em Portu­gal pretende continuar a aju­dar obras sociais e projectos de qualidade com a colabora­ção da Associação dos Cavalei­ros da Ordem de Malta, real­çando que as acções de soli­dariedade social são imprescindíveis para atenuar dese­quilíbrios.

 

O embaixador, que presi­de à Fundação Arenberg, em Bruxelas, disse ter fica­do «impressionado» com as condições físicas e o trabalho da Irmandade de Braga bem como com a riqueza do património construído, classifican­do de «excepcional» o conjun­to monumental formado pelo Palácio do Raio, Igreja da Misericórdia e edifício do anti­go Hospital onde está insta­lada a farmácia.

 

O provedor da Santa Casa começou por saudar a pre­sença do embaixador, agra­decendo-lhe o apoio conce­dido á instituição, Bernardo Reis manifestou-se convicto de que as relações com a Ordem de Malta vão prosseguir, sendo de esperar um «inter­câmbio» com mais ajudas às obras da Misericórdia.

 

Indicou que a Santa Casa de Braga, que terá sido fundada em 1513, tem actual­mente a sua sustentabilidade no terceiro sector, ou seja, nas economias solidária e social, no sentido de «corrigir as assimetrias sociais na comuni­dade bracarense».

 

Contudo, o provedor queixou-se da percentagem de comparticipação financeira do Estado português à Misericór­dia (17 por cento) e do facto de não haver diferenciação en­tre utentes acamados e uten­tes sem problemas físicos. Segundo Bernardo Reis, a Miseri­córdia de Braga está a ter pre­juízo, já que por utente em Lar gasta 900 euros/mês e recebe de cada um entre 250 e 750 euros. «Em 2006 tivemos um prejuízo de 452 mil euros, o défice é coberto pelas receitas da farmácia e renda do edifí­cio do Hospital de São Mar­cos», disse.

Além do lar de terceira idade Nevarte Gulbenkian, que acolhe 34 utentes, de dife­rentes estratos sociais, a ins­tituição possui o Lar D. Diogo de Sousa o Lar Nossa Senhora da Misericórdia, a Cre­che Rainha D. Leonor, o Cen­tro de Dia e Apoio Domiciliá­rio e a farmácia. A gestão das valências é assumida por vo­luntários, estando alguns de­les na situação de reforma, disse Bernardo Reis.

 

Esta foi a primeira visita de Leopold d'Arenberg à Miseri­córdia de Braga e à cidade. A comitiva, convidada pelo pro­vedor através de diligências de dois cavaleiros bracarenses da Ordem de Malta, percorreu o Lar Nevarte Gulbenkian, sede administrativa da instituição, junto ao Hospital de São Mar­cos, passou pelo Lar D. Diogo de Sousa, pelas igrejas de São Marcos e da Misericórdia e terminou a visita na sede social da instituição.

 

Leopoldd'Arenberg é embaixador da Ordem de Malta em Portugal há cinco anos. Neto do último rei da Bavie­ra, Luís III (reinou entre 1913 e 1918) o príncipe tem laços familiares em Portugal pelo lado materno, sendo descendente de D. Miguel I e primo do Duque de Bragança.

 

A Ordem de Malta, funda­da no século XI, é uma organi­zação humanitária internacio­nal que dirige hospitais e cen­tros de reabilitação em diversos países, tendo por bandei­ra a caridade cristã. Distingue-se pelo apoio às pessoas mais desprotegidas e carenciadas. A sua presença em Portugal re­monta ao tempo da Condessa D. Teresa, com a fixação dos Cavaleiros Hospitalários em Leça, onde lhe foi entregue um mosteiro aí existente.

 

 

In: Diário do Minho

 

 


14/2/2008 Missa de 7º Dia pelo Sufrágio de Sua Alteza Eminentíssima, o Grão-mestre
11/2/2008 Anunciada a morte de SAE o 78º Príncipe e Grão Mestre Fra' Andrew Bertie
8/12/2007 Príncipe Leopold d'Arenberg em Montreal
30/11/2007 Visita à Universidade dos Tempos Livres e à Comunidade portuguesa de Santa Cruz em Montreal - Canadá
11/11/2007 Misericórdia de Braga recebeu donativo da Embaixada da Ordem de Malta
7/10/2007 Embaixada da Ordem de Malta apoia campanha «Inocentes de guerra»
18/6/2007 Príncipe Leopold d'Arenberg visita o Museu dos Baleeiros
13/6/2007 Príncipe Leopold d'Arenberg quer ajudar na saúde dos Açoreanos
12/6/2007 Breve reportagem da RTP sobre a incrível aventura de uma família
10/6/2007 Programa da visita aos Açores do Embaixador Leopold d'Arenberg
31/5/2007 Príncipe Leopold d'Arenberg desloca-se ao Pico

Topo

 
 

Copyright © 2007-2008 * Embaixada da Ordem Soberana de Malta * Todos os direitos reservados

Breitling Replica

Cheap Hublot Replica

Cheap IWC Replica

IWC Replica Watches